Curiosidades sobre o livro O avô Nous e o Porão Misterioso, contadas pelas  autoras na live do dia 6 de março

Curiosidades sobre o livro O avô Nous e o Porão Misterioso, contadas pelas autoras na live do dia 6 de março

Na live de lançamento de O avô Nous e o Porão Misterioso, as autoras contaram muitas curiosidades sobre o livro. Selecionamos algumas para trazer neste artigo, mas, se você quiser conferir a entrevista na íntegra, está disponível no Youtube xxxx.

  • As duas autoras, Angélia Benvenuti e Solveig Rettich, são uruguaias e amigas desde a infância. Elas nos contaram que muitas partes do livro são inspiradas em recordações de suas vivências nessa etapa da vida.
  • Angélica contou que a roseira da avó Tesira, que aparece no livro, existe de verdade e está em sua casa. A roseira pertencia à sua avó, e sua mãe lhe ensinou a cuidar dela desde a infância, em homenagem à recordação da avó.
  • Solveig contou que gosta de ler desde bem pequena, mas o gosto por escrever surgiu mais tarde, quando seu pai, já mais velho, decidiu escrever um livro e lhe pediu ajuda. Formou-se um vínculo precioso entre os dois, fortalecido todas as semanas quando se reuniam para escrever o livro. A partir desta experiência e, também, com o nascimento dos filhos, surgiu o gosto por criar histórias.
  • As duas autoras contaram que o processo de nascimento do livro foi longo. Começou com uma investigação sobre a literatura infantil e a pedagogia logosófica. Do estudo, foi surgindo o  propósito de escrever um livro com as características que estavam descobrindo ser importantes na literatura voltada para a infância -  livros que formassem livres-pensadores, que conectassem as crianças aos estímulos naturais, que as ajudassem a ser conscientemente boas e a viver no mundo real. Angélica soube que Solveig estava fazendo um curso sobre narrativas e lhe propôs que escrevessem juntas. Solveig aceitou o desafio com muita alegria. Aos poucos, foram descobrindo muitas afinidades e experiências coincidentes.
  • Os nomes de todos os personagens foram escolhidos com cuidado e se relacionam com as suas principais características. Nous, por exemplo, significa “conhecedor do interno”. Por que será que o avô ganhou este nome?
  • As ilustrações também foram escolhidas com cuidado. Foram feitas por uma artista plástica uruguaia, Cecília Matttos, que conseguiu captar com muita realidade os personagens e as histórias.
  • Apesar de terem escrito o livro pensando nas crianças com idades entre 8 e 11 anos, as autoras se surpreenderam quando observaram que crianças bem pequenas, de 2 anos, também gostavam muito da história, quando seus pais liam para elas. E também agradou a jovens, adultos e até avós. As autoras perceberam, então, que o livro se conecta com o mundo interno, sendo por isso para todas as idades!

Conheça você também essa história inspiradora!

Aproveite o mês de lançamento do livro (março) e compre-o com frete grátis, utilizando o código de desconto: PROMOLIRE

Clique aqui para adquirir o livro 

Próximo artigo Ser avó: uma oportunidade de renovar

Deixe um comentário

Comentários devem ser aprovados antes de aparecer

* Os campos obrigatórios